Responsabilidade com o Colaborador

Colaborador

Direitos do Colaborador

A JBS não permite condições degradantes no ambiente de trabalho que possam colocar em risco a saúde ou a vida dos colaboradores. 

Todas as leis de salários e horas de trabalho aplicáveis são respeitadas, como salário mínimo e compensação de horas extras, assim como todos os benefícios obrigatórios por lei.

Os direitos de associação, sindicalização e negociação coletiva são respeitados. Em 2020, 57% dos colaboradores que trabalham nos Estados Unidos e Porto Rico, 90% no Canadá, 86% no México, 46% na Europa, 77% na Austrália e Nova Zelândia e 91% que trabalham no Brasil foram cobertos por acordos de negociação coletivos de trabalho.

Promover o desenvolvimento do capital humano é um grande objetivo para a JBS. Com essa finalidade, a área de Recursos Humanos atua regionalmente, respeitando leis e normas locais, com suporte do RH Corporativo.

R$ 6,5 milhões investidos em Recursos Humanos em 2020

A companhia também demonstra seu compromisso com o tema por meio dos Códigos de Conduta e Ética para Colaboradores e Fornecedores, aplicáveis globalmente. Veja mais em A JBS – Ética e Compliance. 

Na JBS USA os salários dos colaboradores temporários são analisados duas vezes ao ano, e para os colaboradores assalariados, é realizada uma análise de salários uma vez ao ano, de forma a garantir pagamento de acordo com o mercado. Os salários são ajustados conforme necessário, com base nessas análises de salários competitivos.

Engajamento dos Colaboradores

JBS Brasil

A JBS empregava mais de 142 mil profissionais em 2020, um aumento de 10,5% em relação ao ano anterior. Em 2020, a Companhia contratou 52,1 mil novos profissionais, 28,2% a mais do que em 2019, mesmo diante do cenário desafiador causado pela pandemia.

A taxa de rotatividade foi de 21,38% em 2019 para 24,29% em 2020, considerando a base total de colaboradores. Se levar em conta apenas a liderança (supervisor, coordenador, gerente, diretor, presidente e conselheiro), o turnover caiu para 11,54% em 2020 – em 2019, era 14,59%. Já a taxa de absenteísmo foi de 2,48% em 2019 para 5,57% em 2020, justificada pelo ano atípico vivenciado em 2020.

A companhia conta um programa de avaliação de desempenho, por meio do qual os colaboradores são avaliados pelos seus pares, subordinados (quando aplicável), líderes e fornecedores e clientes internos. A avaliação é feita com bases nos Valores da JBS, garantindo que seus colaboradores tenham aderência à Cultura da companhia. Em 2020, mais de 75% dos líderes da empresa foram avaliados por essa metodologia.

JBS USA

A JBS USA mantém um engajamento com seus colaboradores por meio de pesquisas regulares que buscam entender suas percepções e atitudes sobre tópicos como remuneração e benefícios, cronograma, segurança e satisfação com os supervisores.

As pesquisas são aprimoradas a cada ano para obter feedbacks mais específicos dos colaboradores. A companhia busca identificar e resolver rapidamente as preocupações de seus colaboradores e se esforça para criar um ambiente onde eles reconheçam a importância de suas funções. 

Finalmente, 100% de todos os colaboradores assalariados na América do Norte, na Austrália e em parte na Europa recebem avaliações de desempenho.

A companhia acredita no valor do diálogo entre gestores e equipes e estimula o relacionamento interpessoal. Nos EUA, a JBS mantém a Política de Portas Abertas, que estimula os colaboradores a apresentarem a seus supervisores ou à área de RH quaisquer problemas que tragam sensibilidade ao ambiente geral de trabalho. Com isso, é possível identificar questões como remuneração e benefícios, jornada de trabalho, segurança e relacionamento com as lideranças.

Remuneração

JBS Brasil 

A JBS conta com o trabalho de milhares de colaboradores, que ajudam todos os dias a alcançar a Missão da companhia. Em contrapartida, a empresa no Brasil investe em programas internos voltados à motivação dos colaboradores, com o objetivo de proporcionar um ambiente seguro e de bem-estar, proximidade entre líderes e suas equipes, reconhecimento e oportunidade de crescimento. 

A companhia oferece programas de remuneração variável que objetiva remunerar de maneira diferenciada os profissionais que geram resultados melhores. Para isso, existem vário tipos de oportunidades, todas atreladas aos resultados individuais ou coletivos:

  • Programa de Bônus de Curto Prazo
  • Programa de Bônus de Longo Prazo
  • Programa de Participação nos Resultados
  • Distribuição de Ações
  • Distribuição de Stock Options

JBS USA

A JBS USA oferece remuneração competitiva para seus colaboradores e recompensa os melhores desempenhos. A companhia tem a meritocracia como filosofia de remuneração e busca recompensar todos os membros da equipe por suas contribuições específicas.

Todos os colaboradores recebem folga remunerada, sendo que as especificações dependem dos regulamentos estaduais e contratos sindicais, conforme aplicável. O tempo mínimo de licença médica remunerada (dias pessoais) para todos os colaboradores assalariados é de 40 horas. O tempo mínimo de folga remunerada para todos é de 40 horas, período cuja disponibilidade depende dos critérios de elegibilidade e/ou contratos sindicais

em cada local específico. Além disso, os colaboradores não são obrigados a fornecer prova de diagnóstico médico antes de usufruir da licença médica.

Todos os colaboradores e seus familiares recebem benefícios que incluem seguro médico, odontológico e oftalmológico. Dependendo das qualificações,

alguns podem obter seis semanas de afastamento de curto prazo remunerado pelo nascimento de uma criança.

Também é fornecido seguro de vida e seguro de invalidez além de contas de despesas flexíveis para promover estilos de vida saudáveis. A maioria dos colaboradores recebe benefícios de aposentadoria, incluindo um plano de remuneração diferida não qualificado e um plano de contribuição definida 401(k).